Quarta, 17 de julho de 2019
77 99111-1342
Polícia

12/01/2019 ás 07h35

835

Administrador

Licinio de Almeida / BA

Lapa: Polícia Civil prende mãe que venderia filho por 5 mil reais
A policia realiza diligências para localizar o homem apontado como "comprador" do menino.
 Lapa: Polícia Civil prende mãe que venderia filho por 5 mil reais
Foto: Polícia Civil

Uma operação conjunta da Polícia Civil de Santa Maria da Vitória e de Bom Jesus da Lapa resultou na prisão de uma mulher identificada como Maria Rocha Roque, de Botuporã, no Sudoeste da Bahia, por volta das 17:30 desta sexta-feira (11) na rodoviária de Bom Jesus da Lapa.

Segundo o Dr. Leyvison Rodrigues, Delegado em Santa Maria da Vitoria, a policia foi informada da presença de uma criança abandonada na rodoviára da cidade. Imediatamente, agentes se dirigiram ao local acompanhados de representantes do conselho tutelar e de uma assistente social.

A criança foi encontrada por volta do meio dia e forneceu o número do telefone da mãe. Várias tentativas de contato foram realizadas, sem sucesso. A mulher só retornou as ligações por volta das 17h30, quando disse à policia que foi sequestrada e estaria na rodoviária de Bom Jesus da Lapa.

Agentes policiais se dirigiram ao local e identificaram a mulher que foi detida e entregue à equipe de Santa Maria da Vitória, no entroncamento de Porto Novo.

Inicialmente, a mulher manteve a versão do sequestro, no entanto, acabou por contar à polícia que entregaria o filho para um homem identificado como Sinvaldo Lima Vieira, recebendo a quantia de 5 mil reais.

A criança disse aos policiais que o homem lhe prometeu levar para o Japão e entregaria 65 mil reais para sua mãe.

Todo o esquema organizado pela mãe da criança e por Sinvaldo, envolveria um falso sequestro da mulher. Ele apanharia a criança na rodoviária e tomaria rumo ignorado.

De acordo com o delegado, Sinvaldo seria, supostamente, homossexual, e a criança já sofreu abuso sexual de outro homem, investigado pela polícia de Botuporã.

A mãe ficou detida à disposição da justiça e a criança está em companhia dos conselheiros tutelares.

A policia realiza diligências para localizar o homem apontado como "comprador" do menino.

FONTE: portallapaoeste

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados