Terça, 23 de julho de 2019
77 99111-1342
Tecnologia

02/02/2019 ás 07h00

264

Administrador

Licinio de Almeida / BA

Aparelho criado por estudantes baianas detecta 15 doenças pelo sopro
Natália Nascimento e Júlia Nascimento, que são irmãs, pretendem patentear o produto para fabricar em grande escala e distribuir para hospitais e clínicas do
Aparelho criado por estudantes baianas detecta 15 doenças pelo sopro
Foto: Divulgação

Um aparelho criado por duas estudantes feirenses que moram no Rio de Janeiro é capaz de detectar ao menos 15 doenças por meio do sopro. Natália Nascimento e Júlia Nascimento, que são irmãs, pretendem patentear o  produto para fabricar em grande escala e distribuir para hospitais e clínicas do Brasil.

De acordo com reportagem publicada pelo Acorda Cidade, o dispositivo é muito semelhante ao bafômetro, porém com foco na saúde. As criadoras do aparelho afirmam que ele é capaz de detectar doenças como diabetes, intolerância a lactose, pneumonia, tuberculose, câncer, malária e hepatite.

Em 2011, pesquisadores do Instituto de Tecnologia de Israel criaram um dispositivo que também era capaz de detectar doenças pelo sopro. Conhecido como Na-Nose, o “bafômetro” é capaz de detectar até 17 doenças como alguns tipos de câncer, bem como Alzheimer, Parkinson e esclerose múltipla.

FONTE: itambeagora

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados