Segunda, 09 de dezembro de 2019
77 99111-1342
Mundo

04/12/2019 ás 07h15

500

Administrador

Licinio de Almeida / BA

Médicos encontram 700 ovos de tênia em cérebro de chinês que comeu carne de porco
O paciente só procurou novamente os médicos e se submeteu aos exames e ao tratamento pela persistência dos sintomas.
Médicos encontram 700 ovos de tênia em cérebro de chinês que comeu carne de porco
Foto: Reprodução Hospital da Universidade de Zhejiang


Um chinês de 46 anos foi hospitalizado depois de comer carne de porco mal cozida. Os médicos identificaram 700 ovos de tênia no cérebro dele e atribuíram à preparação errada do alimento ingerido em um caldo.

O homem chegou ao Hospital da Universidade de Zhejiang, no leste da China, com convulsões que se assemelhavam a um quadro de epilepsia. Os médicos responsáveis pelo paciente afirmaram, de acordo com reportagem da revista Galileu, que ele já havia sido hospitalizado antes, com tontura e forte dor de cabeça, mas tinha se recusado a fazer tratamento por não querer gastar dinheiro.

O paciente só procurou novamente os médicos e se submeteu aos exames e ao tratamento pela persistência dos sintomas.

Os médicos analisaram as imagens do cérebro do paciente e perceberam centenas de calcificações e lesões no órgão. Foi identificado que os ovos no cérebro do chinês eram de Taenia solium. A espécie de verme se desenvolve em porcos e, quando consumida, usa o corpo humano como hospedeiro. Além do crescimento dos próprios vermes, a doença pode aparecer como cisticercose, uma infecção larval resultante da ingestão dos ovos desse animal, os cisticercos.

FONTE: bahianoticias

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados