Terça, 25 de fevereiro de 2020
77 99111-1342
Política

12/02/2020 ás 20h22

337

Paulo Flores

Licinio de Almeida / BA

Polícia de um Estado administrado pelo PT, responde Moro sobre morte de miliciano
Ministro foi questionado sobre assassinato de Adriano da Nóbrega, em Esplanada
Polícia de um Estado administrado pelo PT, responde Moro sobre morte de miliciano
Foto: Wilson Dias/Agência Brasil

Presente na Comissão especial da PEC da Segunda Instância, no Congresso Federal, o ministro da Justiça, Sergio Moro, foi questionado sobre a morte de Adriano da Nóbrega, no fim de semana.

O miliciano foi morto no último domingo (09) após uma operação integrada das polícias do Rio de Janeiro e da Bahia no município de Esplanada.

“Essa pessoa foi morta nesse confronto com a polícia. Não estou criticando a polícia lá, as circunstâncias vão ser apuradas. Mas é a polícia de um estado administrado pelo PT”, lembrou Moro.

O deputado Henrique Fontana (PT) também pediu para que Fabrício Queiroz fosse incluído no serviço de proteção a testemunhas. Moro, então, afirmou que se trata de uma “falsa questão”.

“A pessoa tem que requerer a proteção e, além de tudo, isso está no Ministério dos Direitos Humanos, e não no da Justiça. Mas a pessoa tem que requerer”, pontuou o ministro.

FONTE: bahia.ba

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2020 :: Todos os direitos reservados