Sábado, 04 de julho de 2020
77 99111-1342
Bahia

28/05/2020 ás 15h51

2.093

Paulo Flores

Bahia-Brasil / BA

Brumado: Dor e comoção marcam enterro da pequena Larissa Emanuelle de 9 anos morta em incêndio na zona rural
O corpo de Emanuelle foi enterrado na manhã desta quinta-feira (28), no cemitério da Vila Presidente Vargas.
Brumado: Dor e comoção marcam enterro da pequena Larissa Emanuelle de 9 anos morta em incêndio na zona rural
Parentes e amigos dão o último adeus a Emanuelle - Foto: Luciano Santos l 97NEWS

A comoção de parentes e amigos tomou conta do enterro da pequena Larissa Emanuelle Ferreira, de 09 anos, que morreu após um incêndio provocado por um vazamento de gás de cozinha na comunidade da "Lapinha", próximo ao Arrecifinho, zona rural de Brumado. O acidente aconteceu por volta das 16h da tarde de quarta-feira (27). A criança teve 90% do corpo queimado e não resistiu. O corpo de Emanuelle foi enterrado na manhã desta quinta-feira (28), no cemitério da Vila Presidente Vargas. O pai da vítima, Ednaldo de Jesus Silva, mesmo abalado, revelou que trabalhava em uma fazenda distante da residência, mas ouviu a explosão. "Eu trabalhava na roça de meu irmão na [capina] da palma, e de lá, só escutei a explosão. Em seguida entraram em contato comigo e eu de imediato desci para minha casa. Chegando aqui, meu colega conseguiu arrombar a janela, mas já era tarde, minha filha já estava toda queimada e sem vida", relata ao 97NEWS.



Larissa Emanuelle tinha 9 anos - Foto: Divulgação


Bastante emocionado, ao ver a filha no caixão desabou em lágrimas e lamentou não ter salvo a filha. "É triste perder uma filha (...) pelo amor de Deus não deixe seu filho mexer com fogo, porque ver seu filho queimando e não poder ajudar (...) minha filha era inteligente, meiga, carinhosa. Queria aprender a cozinhar e a gente não deixava, falava calma filha, deixa você completar ao menos 14 anos (cic)", descreve o pai Ednaldo. De acordo com o pai, a mãe, Lucilene Ferreira, estava do lado da residência juntamente com outro filho do casal no momento da explosão. "Eles não estava na casa, na hora ela tentou entrar, meu cunhado e os vizinhos quando conseguiram entrar não tinha mais o que fazer, foi um desespero", disse o pai. O velório aconteceu na manhã de hoje (28) na mesma comunidade. O enterro de Larrisa Emanuelle aconteceu no cemitério da Vila Presidente Vargas. Nós do 97NEWS deixamos os sinceros sentimentos, nesse momento de dor nos solidarizamos com amigos e familiares.



A cozinha ficou bastante danificada - Foto: Luciano Santos l 97NEWS

FONTE: 97news

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2020 :: Todos os direitos reservados